Paraíba, domingo, 19 de agosto de 2018
29° C
Busca

Esportes

Esportes

Sem treinar há duas semanas, Marcelinho Paraíba deve voltar ao Treze sem risco de ser preso

O meia teve um mandado de prisão expedido pela Justiça em função do não pagamento de pensão alimentícia.

Por Redação Portal T5

15h02
Marcelinho Paraíba é uma das referências técnicas do Treze
Marcelinho Paraíba é uma das referências técnicas do Treze Foto: Ascom/Treze FC

Uma das referências técnicas do Treze para esta temporada, o meio-campo Marcelinho Paraíba está sem treinar há cerca de duas semanas, desde que teve sua prisão decretada pela Justiça por atrasar o pagamento da pensão alimentícia de seu filho.

A última vez que o atleta realizou trabalhos com o elenco foi no dia 16 de maio, e a decisão judicial saiu dois dias depois, quando o mandado de prisão foi expedido. Durante esse tempo, ele praticamente “desapareceu”, não tendo sido localizado nem mesmo pelo seu advogado.

Porém, tudo isso está próximo de voltar à normalidade, até porque o Galo já tem uma partida importantíssima contra o URT em Minas Gerais, neste domingo (3), pelo mata-mata da Série D, e tanto a diretoria quanto a comissão técnica do clube esperam contar com o jogador.

De acordo com Afonso Vilar, advogado de Marcelinho, a defesa deve conseguir uma liminar, a ser avaliada nesta terça (29), para que o meia retorne de fato aos treinos o mais rápido possível, sem riscos de ser preso.

"Hoje (29) o desembargador deve avaliar a nossa liminar e conceder. Assim, o pedido de prisão fica suspenso, e ele pode voltar a trabalhar. Mas o processo segue na Vara da Família, onde as partes serão intimadas”, explica.

Leia também:

Atraso na entrega de bebidas preocupa comerciantes no Maior São João do Mundo, em CG

Durante ação de monitoramento, agentes da PRF são vaiados por caminhoneiros