Paraíba, segunda-feira, 20 de agosto de 2018
17° C
Busca

Esportes

Esportes

Interventor da CBF está em João Pessoa; presidente da FPF é afastado do cargo por 30 dias

Flávio Boson Gambogi ficará no comando da Federação Paraibana de Futebol.

Por Cristiano Sacramento

15h19 - Atualizado 17/05/2018 às 15h31
Sede da Federação Paraibana de Futebol (foto).
Sede da Federação Paraibana de Futebol (foto). Imagem: Reprodução / Internet

Flávio Boson Gambogi, integrante da parte da 5ª Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), chegou em João Pessoa na tarde desta quinta-feira (17). O representante da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) deve ficar no comando da Federação Paraibana de Futebol (FPF) até o desfecho final da operação Cartola, que desvia fraudes e manipulação de resultados em jogos do campeonato paraibano.

Botafogo da Paraíba se pronuncia sobre denúncias na Operação Cartola

Com a chegada de Flávio, Amadeu Rodrigues, presidente da instituição, está afastado, inicialmente por 30 dias. O período pode ser prorrogado.

Às 15h, na Paraíba, Gamboji se reuniu com integrantes da FPF, inclusive Amadeu. Com portas fechadas, a imprensa não teve acesso à reunião realizada na sede da instituição.

O interventor também deve comparecer na sede da Delegacia de Defraudações e Falsificações, em João Pessoa, para ter acesso a outros detalhes da operação.

Leia também: Segunda etapa do concurso da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros acontece neste fim de semana

Inscrições para o Enem encerram nesta sexta-feira (18)