Paraíba, terça-feira, 13 de novembro de 2018
31° C
Busca

Esportes

Esportes

Taça do Mundial de Clubes 2012 ganha pelo Corinthians é penhorada na Justiça

A medida tem relação com uma dívida não paga pelo clube a uma instituição de ensino superior

Por Redação Portal T5

15h10
Tite e Cássio foram dois dos símbolos da conquista, em 2012
Tite e Cássio foram dois dos símbolos da conquista, em 2012 Foto: AFP

A conquista do Mundial de Clubes 2012 pelo Corinthians é uma das maiores glórias do clube, senão a maior. Porém, o símbolo daquele título especial pode ter que deixar o Memorial da equipe paulista. O juiz Luis Fernando Nardelli, da 3ª Vara Cível de São Paulo, determinou nesta quinta-feira (8) que a taça da competição vencida seja penhorada e avaliada.

A medida foi tomada em função de uma dívida de R$ 2,48 milhões cobrada na Justiça pelo Instituto Santanense de Ensino Superior (ISES). O processo foi movido pela faculdade em 2008, alegando que o Corinthians dificultou o acesso de alunos a um de seus campi, que ficava no Parque São Jorge, sede do clube.

A primeira decisão saiu em 2010, condenando o time a indenizar o ISES. A dívida, contudo, acabou nunca sendo paga, e a instituição continuou insistindo no processo judicial.

Após a determinação, um oficial de justiça deve comparecer ao Memorial para realizar uma avaliação do valor da taça. A princípio, o Corinthians permanece com o item, não podendo vendê-lo. Caso a dívida não seja paga, de fato, a taça pode ir a leilão.

“Pelo menos o Corinthians tem taça de Mundial, duas, para penhorar, né? Em 48 horas vamos resolver, sem problemas, não tem mais acordo, vamos pagar e depois esperar o processo para receber nossa parte. Mas é uma ação midiática, os advogados devem torcer para outro time e fizeram isso”, declarou o presidente da equipe, Andrés Sanchez, em entrevista coletiva, ironizando a medida.

Leia também:

Nego do Borel é processado por ‘dar susto’ em mulher em aeroporto

Em postagem nas redes sociais, Neymar se declara para o filho