Paraíba, domingo, 22 de setembro de 2019
30° C
Busca

Portal T5

Economia

Saiba como calcular o valor exato da primeira parcela do 13º do INSS

O período de entrada da aposentadoria interfere na quantia recebida antecipadamente. Números podem podem ser vistos no portal Meu INSS

Por Carlos Rocha

16h58
FOTO: ANTONIO CRUZ/AGÊNCIA BRASIL

A quantia a ser recebida na primeira parcela do 13º já pode ser conferida por aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) por meio do portal Meu INSS. O pagamento será feito a partir da segunda-feira (26/08/2019) juntamente com o benefício de agosto, de acordo com o calendário mensal de liberação do órgão.

Nesta primeira liberação do 13º, quem se aposentou até janeiro vai receber metade do valor depositado mensalmente. Já a segunda parte vai ser paga a partir de novembro, junto com o desconto do Imposto de Renda (IR). O cálculo será o resultado da quantia total do IR sobre o valor total do benefício. Na conta, também será abatida a quantia liberada na primeira parcela do 13º.

Para os pensionistas que se aposentaram a partir de fevereiro, o valor do abono de Natal será menor. A conta é o somatório dos meses que vai receber até o fim do ano. Como exemplo, quem se aposentou em junho, terá abono igual a seis meses.

Já os segurados que entraram com o pedido de aposentadoria a partir de agosto receberão as duas parcelas do 13º do INSS juntas, mas o pagamento só será feito entre novembro e dezembro.

No caso dos trabalhadores classificados como incapacitados, há a garantia do abono de Natal. O valor final será a soma do período entre janeiro e agosto e o direito a antecipação do benefício passar a ser permanente. Vale ressaltar que quem recebe salário-maternidade não tem direito à antecipação da primeira parcela.

Até 2018, a liberação da quantia em agosto dependia de um decreto. Porém, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) enviou uma medida provisória instituindo o pagamento permanente.