quarta-feira, 25 de novembro de 2020
Busca

Televisão

Televisão

Enquete 'A Fazenda 12': quem você quer que volte fazendeiro entre Jojo, Mateus e Stéfani

A Roça dessa semana chegou a ter um peão a mais, mas ele acabou sendo salvo pelo poder da chama

Por Carlos Rocha

00h30 - Atualizado 18/11/2020 às 00h31

Em mais uma noite de formação da roça os peões de 'A Fazenda 12' se digladiaram, discutiram, trocaram farpas, na noite desta terça-feira (17) e o resultado foi Mirella, Mateus Carrieri, Stéfani, Tays e Jojo ocupando os cinco banquinhos mais temidos do reality rural. A Roça dessa semana chegou a ter um peão a mais, mas ele acabou sendo salvo pelo poder da chama.

Mirella foi a indicada da fazendeira Jakelyne Oliveira. Em seguida, Mateus foi o mais votado da casa e ocupou o segundo banquinho. Ele ganhou o direito de puxar alguém da baia direto para a Roça e escolheu Stéfani.

Pelo poder da chama vermelha, que foi dado para Lipe por Mariano, ele teve que escolher o quarto roceiro entre os peões da sede. Lipe escolheu Tays Reis. Em seguida, um quinto banquinho foi anunciado através de um envelope dado à fazendeira, Jake. Ela teve que buscar um quinto banquinho.

A partir daí começou a dinâmica do resta um, na qual um peão salva o outro e o que restar está na roça. Tays começou salvando Biel, que livrou Mariano. Mariano salvou Lipe, que livrou Lidi. A atriz salvou Raissa e acabou mandando Jojo para ocupar o quinto banquinho.

Pelo poder da chama, Mariano teve o direito de salvar um roceiro e vetar um dos quatro restantes de fazer a prova do fazendeiro. Ele escolheu salvar Tays e vetar Mirella, que vai direto para a votação do público.

A prova do fazendeiro será disputada nesta quarta-feira (18), entre Jojo, Mateus e Stéfani. O vencedor ganha imunidade, o direito de indicar alguém na próxima roça e comanda a Fazenda por uma semana.

Leia também:

Mister morre em acidente de moto em rodovia no interior da Paraíba

Após 400 cirurgias, apresentadora atacada com ácido pelo ex faz desabafo

PRF e PM apreendem mercadorias sem documentação fiscal avaliadas em mais de R$ 300 mil no sertão paraibano

Parte de falésia da praia de Pipa desaba e mata três pessoas da mesma família