sexta-feira, 13 de dezembro de 2019
Busca

Gente famosa

Gente famosa

Ex-boxeador Mike Tyson revela que fuma mais de R$ 150 mil de maconha por mês

Ele revelou que possui um rancho que cultiva a erva em parceria com o ex-jogador da NFL Eben Britton.

Por Redação Portal T5

19h30
Foto: Reprodução/ Web

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ex-pugilista Mike Tyson, 53, revelou que fuma o equivalente a R$ 158 mil em maconha todos os meses. A declaração foi dada por ele no último episódio de seu podcast, 'Hotboxing'.

Ele possui um rancho que cultiva a erva em parceria com o ex-jogador da NFL Eben Britton. Ele tem investido na produção da planta, de acordo com estimativas, um total de R$ 1,9 milhão.

"Quanto nós fumamos por mês, mais ou menos? Uns US$40 mil?", perguntou Tyson ao colega no episódio.

O ex-boxeador revelou em uma entrevista à revista americana GQ, publicada em junho que está construindo um resort inteiramente dedicado à maconha.

O complexo do lutador promete uma "experiência holística" com o consumo da substância, além de uma área de 170 hectares de resort dentro do deserto de Hot Springs na Califórnia.
Essa é só uma das diversas polêmicas já enfrentadas por Tyson em sua trajetória. Em uma das lutas mais épicas de todos os tempos, Tyson deu uma mordida na orelha de Evander Holyfield, em 1997. Ele foi desclassificado.

Mike Tyson também foi pego por uso de maconha após uma luta em 2000. Em 2005, ele foi preso no Brasil depois de ter agredido um cinegrafista em uma casa noturna. 
Aos 37 anos, em 2003, Tyson foi à falência. Não sobrou nada de toda a fortuna adquirida por ele ao longo da vida. Tyson também já admitiu usar urina dos próprios filhos para falsificar exames antidoping.

Veja mais:

"Isso não pode ser levado como tabu", diz Luísa Sonza após música sobre masturbação

Rebeca Abravanel e Alexandre Pato pagam cirurgia de menino com doença rara