Paraíba, sexta-feira, 17 de novembro de 2017
20° C
Busca

Portal T5

Brasil

Na Paraíba, 570 meninas foram mães até os 15 anos em 2016

Já no Brasil o número chega a quase 21 mil nascimentos

Por Vitor Feitosa

16h45
O estado de Roraima foi o único que registrou um aumento nos nascimentos o Brasil, entre 2015 e 2016
O estado de Roraima foi o único que registrou um aumento nos nascimentos o Brasil, entre 2015 e 2016 Foto: Reprodução/Internet

Uma pesquisa divulgada nesta terça-feira (14) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelou um dado preocupante. No ano de 2016, o Brasil registrou 20.991 nascimentos cujas mães tinham até 15 anos de idade, ou seja, assumiram o papel materno quando ainda eram adolescentes.

Entre as cinco regiões brasileiras, a que teve o maior índice foi justamente a região Nordeste, com 8.034 nascimentos deste total de quase 21 mil. Trazendo para a realidade local, 570 meninas com até 15 anos foram mães na Paraíba, em 2016.

Sobre os nascimentos gerais, a Paraíba registrou 55.631, de acordo com o IBGE, o 13º menor número no Brasil. Enquanto em São Paulo, por exemplo, foi o maior do país, com 600.890. Em relação aos números totais, foi verificada uma queda de nascimentos em 2016 em comparação com 2015, apresentando uma redução média de 5,1%.

Pernambuco teve o maior índice de redução entre os 26 estados do Brasil e o Distrito Federal. Houve uma queda de 10% em relação a 2015 na terra do frevo. Já o estado de Roraima, no Norte do país, foi o uníco que registrou um aumento no número de nascimentos, com um índice de 3,9% entre 2015 e 2016.